Mensageiro Luterano de julho


04/07/2019 #Publicações #Editora Concórdia

Confira alguns destaques desta edição da revista oficial da IELB

Mensageiro Luterano de julho

O Mensageiro Luterano de julho já está circulando. Confira alguns destaques desta edição da revista oficial da IELB:

Criminalização da homofobia

O Supremo Tribunal Federal, que em 2011 reconheceu a união estável para casais do mesmo sexo, no último 13 de junho aprovou a criminalização da homofobia e da transfobia. Pela nova lei, "praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito em razão da orientação sexual da pessoa poderá ser considerado crime; a pena será de um a três anos, além de multa; se houver divulgação ampla de ato homofóbico em meios de comunicação, como publicação em rede social, a pena será de dois a cinco anos, além de multa; a aplicação da pena de racismo valerá até o Congresso Nacional aprovar uma lei sobre o tema”. A lei tem ressalvas sobre manifestações religiosas, quando não criminaliza “dizer em templo religioso que é contra relações homossexuais, mas será criminalizado incitar ou induzir em templo religioso a discriminação ou o preconceito”.

A busca da felicidade

É senso comum que o dinheiro traz felicidade. Se isso fosse verdade, teríamos nele o remédio para a infelicidade; os ricos seriam felizes e os pobres condenados à infelicidade. De um modo ou outro, em maior ou menor grau, a busca pelo dinheiro está presente no cotidiano do ser humano.
A procura pela felicidade acompanha desde sempre a humanidade. Como alcançá-la? A filosofia e a psicologia propõem algumas alternativas.

Culto Cantate reúne 800 pessoas

O 53º Culto Cantate foi realizado no dia 2 de junho no Seminário Concórdia de São Leopoldo, RS, e reuniu cerca de 800 pessoas. A orquestra com 77 instrumentistas, união coral com cerca de 150 cantores e nove solistas e a encenação que contou com 13 integrantes, deram vida ao temaFirmados em Cristo: seguimos e compartilhamos os ensinamentos de João Batista, uma paráfrase do tema atual da IELB Firmados em Cristo: seguimos e compartilhamos os ensinamentos dos apóstolos.Participaram do culto ainda, como liturgista, o professor pastor Mário Rafael Yudi Fukue, e, como pregador, o professor pastor Acir Raymann.

“O Culto Cantate é para mim o exemplo máximo de comunhão e louvor a Deus na nossa Igreja. Músicos, atores e cantores luteranos voluntários, profissionais e amadores dos quatro costados, unem-se sob a regência do prof. Raul Blum e, com apenas um ensaio geral, no mesmo dia do culto, elevam os espíritos de todos ao Senhor com hinos tradicionais e com cantatas cenografadas, por vezes, inéditas. Desde 2006 participo com meu violino na orquestra dos cultos, tendo apenas faltado duas vezes quando residi no exterior. Quando sai a data, imediatamente bloqueio a agenda, porque, assim como todos os demais participantes, não quero nunca perder o costume e a oportunidade de louvar ao Senhor nesse lindo e tradicional evento do nosso calendário luterano!”

Marcel van Hattem, deputado federal pelo RS

Você pode saber mais sobre o tema e sobre o evento, bem como acompanhar outros depoimentos de quem participou e de quem assistiu, no Mensageiro Luterano de julho.

Leia outras edições aqui.

Assine o Mensageiro Luterano aqui.

Publicações Leia mais


Notícias Leia mais


Assine o Mensageiro Luterano e
tenha acesso online ou receba a
nossa revista impressa

Ver planos