Institucional > Temática IELB 2019 > Kit de ensaio do hino tema do Planejamento 2022


Kit de ensaio do hino tema do Planejamento 2022
27 download(s) Faça Download

Kit de ensaio do hino tema do Planejamento 2022


O tema geral da IELB para o quadriênio 2019-2022 repousa na palavra FIRMES. Desta forma, o advérbio FIRME aparece uma vez em cada estrofe da música, dando esta identidade de firmeza e fundamento ao longo de toda a música. Em cada estrofe, a palavra FIRME aparece em uma linha diferente, expressando a certeza de que, em diferentes pontos e diferentes situações da vida, estamos firmados por Cristo por meio da fé.

A Terceira linha de cada estrofe expressa o ponto alto da melodia. Por isso, ali estão os quatro verbos do quadriênio em destaque: ENSINAR, SERVIR, ADORAR E VIVER EM COMUNHÃO.

Cada verbo foi utilizado em um tempo ou conjugação diferente. Na primeira estrofe, um imperativo, na forma de um pedido (Ensina); na segunda, o gerúndio (Servindo); na terceira, a forma escolhida foi o presente (Adoram); e na quarta, o infinitivo (Viver em comunhão). Todos indicando constância, ação, movimento, vontade de aprender, de servir, de adorar. Indicam também a dinâmica da vida cristã, cheia de diferentes momentos, problemas, alegrias, desafios – e, em todas elas, Cristo nos mantém firmes em Sua Palavra e Sacramentos.

As marcas da Igreja, especialmente a identidade confessional Luterana, recebem destaque na letra do hino: Lei e Evangelho, Palavra e Sacramentos (Batismo e Santa Ceia).

As 3 pessoas da TRINDADE aparecem separadamente nas 3 primeiras estrofes: Deus Pai, Jesus Senhor e o Espírito Santo – Consolador, sendo que a 4ª estrofe faz alusão à TRINDADE como um todo.

Na Terceira linha de cada estrofe, aparece a expressão TEUS FILHOS, que procura refletir a pluralidade do corpo de Cristo, a Igreja, os filhos de Deus, cantando, orando, comunicando o Evangelho por ser uma Igreja FIRME – firmada por Cristo.

Como nota final, nota-se que as RIMAS da música acontecem de fora para dentro, desta forma: a primeira linha da primeira estrofe rima com a última linha da quarta estrofe; a segunda linha da primeira estrofe com a penúltima da quarta estrofe. E, assim, sucessivamente, chegando ao centro da última linha da segunda estrofe com a primeira linha da terceira estrofe. Desta forma, formam-se “Arcos de rima”. À primeira vista, as rimas da canção parecem sem nexo, ora paralelas e ora sem rima próxima evidente. No entanto, olhando o todo da música e enxergando os arcos que unem o todo, as rimas aparecem com precisão.

Essa formação visa retratar a vida cristã neste mundo, com seus altos e baixos, seus momentos de clareza, na Palavra, e outros de incerteza, angústia e dor, por causa do pecado, onde muitas coisas parecem não fazer sentido. FIRMADOS na Palavra de Deus e olhando, em fé, o todo de nossa vida, podemos ver os “Arcos” do amor de Deus unindo as pontas com clareza e certeza – em fé, em Palavra, em Sacramentos – nos impulsionando a uma vida onde justificação rima com santificação.

Deus une perfeitamente as “pontas” de nossa vida, firma nossa fé e dá sentido ao todo. Por Sua Graça, por meio da fé, ele traça os arcos que conectam nossa vida a Ele e ao próximo, em fé e amor.

Veja Também